A diferença entre Iboga e Ayahuasca

Esta é uma das dúvidas maiores para quem se quer iniciar em retiros xamânicos com Plantas mestres professoras. Existem várias ao cimo da Terra mas é entre a Iboga e Ayahuasca que cai a maior atenção devido á mudança profunda que provoca no nosso ser. Para além de trazerem consciência, ainda nos ensinam num estado tão maravilhoso e divino, que mais nenhuma técnica nos pode proporcionar ao cimo da Terra.

Convém lembrar que estamos a falar de plantas mestres que albergam o espírito do divino que irá trabalhar em nós. Então cada experiência é muito única e totalmente personalizada. A comparação que tentarei fazer neste artigo será a nível geral, pois nada se compara ao que a planta irá trabalhar na experiência. Só ela tem a sabedoria para saber por onde começar.

Das várias experiências pessoais que tive com a Iboga e a Ayahuasca e ao compara-las, a parte mais difícil é encontrar qualquer ponto em comum. Elas são tão diferentes quanto as experiências que nos proporcionam, embora cada um delas seja um remédio mestre por direito próprio. A experiência Iboga é completamente única no reino das plantas mestres , quase ao ponto em que deveria fazer parte de uma categoria diferente. O intenso efeito estimulante do alcalóide da Ibogaína é amplamente responsável pela separação de tudo o que não nos pertence a nível de sentimentos e conduta física. Enquanto a maioria dos “psicodélicos” aumenta os sentidos normais ou faz com que pareçam desaparecer completamente, durante a cerimónia Iboga, estamos cientes do desconforto físico do corpo. A Iboga chega em ondas quentes que nos vão envolvendo. Frequência cardíaca acelerada, náusea persistente, tontura intensa, zumbido nos ouvidos e a voz severa da verdade – duram 6 a 8 horas.

Em contraste, a Ayahuasca chega com um zumbido quente, traz os fogos de artifício, uma purga e, depois, 3 a 5 horas depois, uma conexão tranquila que permite uma noite inteira de sono. Olhando para este caminho, a Ayahuasca pode parecer preferível. No entanto, os psicobytes puros de conteúdo baixado da Iboga são incomparáveis, é parte do que torna esse remédio tão incrivelmente poderoso.

Chegar mais longe ou Chegar mais fundo

A Ayahuasca permite que se vá mais longe a nível físico e da própria realidade. Ela permite que seja dada entrada em outras realidades paralelas e reinos desconhecidos. Tudo isto nos permite ter noção do quão pequeninos somos e de como a malha energética está tão bem estruturada. É uma planta que nos “leva mais para cima”. Conseguimos crescer a nossa consciência por ter a noção que há algo muito maior que nós. Então com a Ayahuasca conseguimos ir mais longe. Eu experimentei várias dessas dimensões em uma jornada épica de Ayahuasca e posso atestar a “alteridade” desses reinos.

Já os  xamãs Iboga Bwiti falam em ir mais fundo, não mais longe. Eles acreditam que o remédio deles acessa a natureza infinita da alma dentro de nós, e o conhecimento infinito dessa alma que se estende até o começo dos tempos. Em todo o meu encontro de 8 horas com a Verdade, nunca houve a sensação de que eu estava a aceder a  alguma coisa fora de mim mesma. É uma planta que nos leva para baixo, o planto terrestre. Em que temos consciência que tudo está dentro de nós e temos apenas de mudar para aceder a outros estados de consciência. A Iboga é a Voz da verdade severa, em que vai ser confrontado com as suas trevas. O bom desta planta maravilhosa é que nos mostra essa mesma verdade mas nos deixa limpos para que possamos começar de novo.

O que podemos receber nestas 2 experiências tão Únicas

Na Experiência da Ayahuasca, o conteúdo é entregue a você em grande parte através de imagens ou encontros com outros seres. As imagens, então, podem levar a uma maior introspecção, mas às vezes é preciso entender o que o que a Ayahuasca lhe  estava a tentar dizer. Talvez seja porque existe um problema de tradução entre as dimensões que muitas vezes só assimilado através de imagens, pois não há linguagem possível para transmitir algo que nunca tivemos aceso. A nossa mente não reconhece algo que nunca teve acesso, então as imagens é muito mais fácil para descrever tudo o que se passa em outras dimensões.

Na cerimónia de Iboga, não há problema de tradução, porque fala sozinho. Se não consegue entender a si mesmo, está em apuros. As pessoas chamam Iboga de “pai severo” e isso se deve à natureza do que Iboga lhe diz.  E para muitos de nós, isso pode soar como o nosso pai, mas na verdade é apenas o seu eu verdadeiro tentando alinhar sua mente com o que seria melhor para o seu destino.

Efeitos duradouros

Um dos “problemas” com a experiência da Ayahuasca é que ela é inteiramente sonhadora na sua apresentação, e quase todas as cerimónias acontecem depois do anoitecer. Então, depois de terminar sua jornada de sonho, é por volta das 2-3 da manhã, quando consegue adormecer e tem sonhos reais. Então, no momento em que você acorda na manhã seguinte, as linhas entre a realidade e o estado de sonho ficam borradas. Você começa a perguntar-se, “isto era realmente real ou apenas algum sonho induzido pela Ayahuasca?” Essa janelinha permite que nossos velhos inimigos duvidem, temam e apareçam para invadir a sua mente e começar a minar sua experiência. Mas o que temos a nosso favor com a Ayahuasca é que você se sente ótimo no dia seguinte. Sentimos-nos tão conectados, limpos, felizes e fortes. Este sentimento faz com as duvidas não sejam tantas. Qualquer coisa que faça você se sentir bem deve ser real. Eu senti como se estivesse em uma alta espiritual por várias semanas após as minhas jornadas de Ayahuasca.

O Iboga é a experiência oposta direta. Primeiro de tudo, você está acordado por pelo menos 8 horas desde o início da sua jornada. Muitas vezes as pessoas estão acordadas por 48 horas. Portanto, não há sonhos incómodos para o confundir. Mas a experiência é tão lúcida que duvido que, mesmo que você encontrasse uma maneira de dormir, teria o efeito de mistura que ocorre com a Ayahuasca. O problema com Iboga, porém, é que ficar acordado e estar sob a influência de um estimulante tão pesado esmaga temporariamente a serotonina,  de modo que é fácil sentir-se agitado, triste e fraco na depressão. Esses sentimentos são terreno fértil para o medo e a dúvida, por isso você precisa ter cuidado para não prejudicar sua própria experiência por causa da fraqueza. Uma vez que você recupere um pouco de sono, é muito fácil assimilar a nova sabedoria adquirida da cerimónia de Iboga, mas a alta espiritual que eu experimentei da Ayahuasca não estava presente.  Mas aqueles que conhecem meu comportamento certamente perceberão que eu mudei meus hábitos auto destrutivos e auto limitantes.

O Ritual

Quanto ao ritual, não há nada que se compare à magia transformante de uma cerimónia de Ayahuasca. A música da Ayahuasca são os Icaros cantados pelo próprio xamã. Às vezes são melodias assombrosas, muitas vezes belas, transmitidas de geração em geração, ensinadas inicialmente pelas próprias plantas que dizem. O xamã trabalha com chocalhos feitos de folhas, tabaco, canela, água de rosas, água florida e despeja sua energia na cerimónia, levando-nos aos reinos além da morte, em parte pelo suor do nosso trabalho. As suas manipulações físicas durante a cerimónia têm um efeito direto e dramático. Sentomo-nos incrivelmente parte de algo místico.

A cerimónia da Iboga é mais simples, mais silenciosa, mais longa. A música Bwiti tocada tem um incrivelmente alto BPM que é de alguma forma calmante para a mente hiperativa. É quase como ter música num ritmo tão agitado que ajuda a mente a pensar mais devagar … Ou pelo menos entretém o lado maníaco e inquieto de nosso cérebro. A interação do xamã é mais verbal, falando connosco durante a cerimónia de uma maneira direta e não mística.

Se eu tiver que escolher, qual a cerimónia que devo fazer?

Primeiro de tudo, acho que a pergunta deveria ser, “o que devo fazer primeiro?”.

Porque se você pretende assumir o compromisso de explorar as profundezas de sua mente, alma e universo infinito, estas duas plantas são as melhores coisas que  pode fazer por si. Mas o tempo e o dinheiro são obstáculos, e percebo que pode levar vários meses até que  consiga economizar o suficiente para completar uma destas jornadas. Então, aqui estão algumas orientações práticas.

1. Você tem um problema de dependência, transtorno alimentar ou problema mental/espiritual auto limitante? Se a resposta for sim, então Iboga com certeza.

2. Prefere saber as respostas às suas perguntas ou sentir e ver as respostas às suas perguntas? Para saber, escolha Iboga – Para sentir e ver, escolha a Ayahuasca.

3. Você quer uma experiência diferente de tudo que você pode encontrar no plano físico? Algo totalmente diferente? Escolha Ayahuasca.

4. A sua mente é a raiz da sua doença física ou do seu corpo? Para mente, escolha Iboga, para o corpo escolha Ayahuasca (exceto no caso da dependência física de drogas, para a qual Iboga é um especialista)

Onde Posso Fazer estas cerimónias?

Em Portugal é fácil encontrar cerimónias de Ayahuasca. Embora tenha de se ter alguma atenção com quem se faz pois exige dedicação á planta, com certeza será viável encontrar alguém com o amor de carinho necessário para ministrar uma cerimónia de Ayahuasca.

Para a Iboga não é assim tão fácil. Existem poucas pessoas no mundo inteiro que se dediquem a esta planta mas em Portugal já é possível aceder a cerimónias de Iboga.

Seja qual for a escolha da sua alma, tenho a certeza que estas plantas farão o necessário para a sua evolução. Basta que esteja disponível para receber essa mudança.

By Célia de Jesus

Qual o seu tipo de Ego e como curar

Muitos têm uma ideia errada do conceito Ego. Nem sempre é mau e todos nós temos Ego. Por vezes exagerado e outras com falta dele.
O ego é criado através de várias experiências e é aquela personalidade que normalmente se incute desde pequeno. Mas será que é por uma mãe não desejar o filho que ele é mau? Será que é por lhe dizerem a vida inteira que é uma pessoa especial, que o é?
Tudo depende da perspectiva e do quanto se enquadra com o que ouviu ou viu em demasia. Este é o conhecimento que temos do Ego, aquilo que assumimos como sendo nós sem sequer questionarmos ou sentirmos. Algo que impuseram em nós e nem tivemos oportunidade de ver se realmente é.
A maioria das vezes está em demasia porque foi demasiado estimulado levando a um exagero de egoísmo e egocentrismo, outras vezes está em minoria levando a uma baixa de auto estima e autoconfiança.
Mas poucos falam da influência das vidas passadas no Ego, o que quer dizer que nem tudo vem da infância, mas sim de vidas e vidas passadas.
Já Buda dizia que o caminho certo é o do meio, e todos já experimentamos isso. Só quando estamos em equilíbrio em tudo, nos sentimos realmente em paz.
É aqui que entra o reequilíbrio do Ego e o verdadeiro Ego. Não o Ego que é visível através de palavras e atitudes mas sim aquele que está escondido através de pensamentos e sentimentos. Esse é o verdadeiro Ego.
Desmistificando: quem tem baixa auto estima, baixa auto confiança e baixo amor próprio tem um Ego enorme e o contrário acontece. Só assim se pode equilibrar. Trazemos memórias, vidas e sentimentos passados que não estão visíveis e que engrandecem esse mesmo Ego, mas tendo baixa auto estima, conseguimos não cair nesse mesmo Ego novamente.
Por exemplo, um homem que tenha tido uma vida de muito poder em que tinha imensas pessoas a seu cargo e que mandava e desmandava sem importar com os demais, nesta vida virá com baixa auto estima, baixa auto confiança e pouco amor próprio, mas com uma revolta enorme e raiva por ter descido tanto na sua evolução a nível material. Só quando encontrar o caminho do meio, ou seja, o reequilíbrio do Ego, conseguira se equilibrar a vários níveis. Isto não significa que estará na sua missão de vida ou caminho mas quando tiver consciência disto, provavelmente já estará bem perto.
Ou
Uma mulher que viveu a vida toda submissa e presa dentro de padrões, ideias, família ou mesmo prisões , virá nesta vida com uma tendência para ser arrogante, egoísta egocentrista como meio de não voltar a cair na mesma teia do Ego.
A baixa auto estima, baixa auto confiança e baixo amor próprio, o egoísmo, a arrogância e egocentrismo são travões da alma para que não caiamos no mesmo erro do Ego até aprendermos a equilibrar-nos.
O problema é que poucos têm noção disto e assumem essas mesmas personalidades como as verdadeiras, isto porque ninguém quer saber se tem Ego, e a maioria assume que nem tem, mas todos temos mais ou menos e tudo passa por equilibrar esse mesmo ego. E só quando nos sentimos totalmente realizados a todos os níveis e com este equilíbrio, estaremos no nosso caminho. Por isso se torna tão difícil tratar o Ego e a maioria nem tem consciência dele, o que faz com que ande iludido uma vida inteira com os Egos que foram impostos pela sociedade, os falsos Egos. Não olhando para dentro, nunca encontrará o verdadeiro ego, então não saberá quem é seu real inimigo. Sem defesas e sem noção, vamos caminhando sem perceber que tudo o que é certo e errado está em nós e sempre mas sempre é você quem faz a sua realidade atraindo e repelindo todas as situações e pessoas.
Ego quer dizer “Eu” em latim, e o equilíbrio passa por unir esse Eu com o Eu superior que é uma parte de nós que continua intacta no Universo. Todos nós somos partes ( emocionais, práticas, pensantes, curadoras, e todas as características possíveis) mas nem tudo reencarna aqui na Terra. Apenas o que tem de ser equilibrado e o Egos vêm sempre, porque grande parte do equilíbrio vem daí. As outras partes continuam intactas no Universo. É como aquele dinheiro que vamos guardando para usar quando tudo o resto falhar. Mas com o Eu superior nada falha pois estamos a falar de uma consciência totalmente sábia e muito além do possamos imaginar.

Vamos identificar alguns tipos de Ego escondidos para nós :

  • Ego POR ELE SÓ. Não consegue desapegar de nada nem de ninguém. Muita dificuldade em partilhar por medo de perder, em que chega a sufocar por excesso de controlo.

 

  • Ego INSACIÁVEL. É o ego “centro de mesa”. Não gosta de passar despercebido e faz qualquer coisa para chamar a atenção. A maioria das vezes amua.

 

  • Ego INTERRUPTOR. A sua necessidade de auto referência é tão forte que interrompe frequentemente, nunca deixa que os outros terminem de falar.

 

  • Ego IMPACIENTE. Não espera por nada nem ninguém. Até para ele próprio não tem paciência. Faz tudo a correr e não consegue permanecer quieto, acabando por não acabar nada. Até a falar parece uma “metralhadora”, não medindo o que diz sequer. Tudo  faz com impaciência chegando ao ponto de comer em 5 minutos.

 

  • Ego INVEJOSO. É o que não suporta os triunfos e êxitos dos outros. Deita abaixo os que crê que são melhores que ele.

 

  • Ego PRESTIGIOSO. É o ego que busca aplausos reconhecimento e admiração em tudo o que faz. Sempre quer ser o melhor. Frequentemente diz “ Eu avisei-te”, “Eu sabia” , “Eu disse-te, mas nunca me escutas”. São também os prefecionistas que tentam ao maximo pôr tudo no lugar, achando que só eles conseguem, criando intolerância para com o próximo.

 

  • Ego APROVEITADOR. Aproveita-se do que dizem os outros para seu próprio beneficio. Tira partido do que dizem  para fazer  intervenções a seu favor. É um imitador, um usurpador.

 

  • Ego ESPIRITUAL. Aquele ego que acha que é “esponja” e absorve tudo dos outros para os curar, quando na verdade está apenas a trazer ao de cima as próprias trevas para as curar. Pensa assim que é muito “especial” e pode atirar isso na cara dos outros com desculpas de cursos e mediunidade.

 

  • Ego SURDO. Nunca escuta, gosta de falar só dele e habitualmente finge escutar, mas depois faz tudo ao contrário só para manter posição. Gostam de fazer tudo sozinhos, chegando ao ponto de não deixarem ninguém fazer parte da vida deles, criando uma independência fora do normal.

 

  • Ego MANIPULADOR. É aquele ego astuto que sempre quer que as coisas resultem a seu favor, mentindo, enganando, usurpando. É esse ego competitivo e argumentativo que não gosta de perder.

 

  • Ego ORGULHOSO. É aquele ego competitivo, discutidor, que não gosta de perder. Aqui também entra as almas que não gostam de pedir ajuda e pensam que conseguem fazer tudo sozinhas. Tentam fazer o trabalho deles e dos outros ou uma quantidade de coisas ao mesmo tempo, nunca conseguindo parar nem para férias para depois apontar o dedo dizendo “ sou eu que faço tudo aqui”, “ não me ajudas em nada”.

 

  • Ego SILENCIOSO. É aquele ego que silenciosamente tem um discurso paralelo, é crítico e hipócrita . Este ego muitas vezes tem como base o pensamento, é tudo feito na nossa cabeça, em que há julgamento dos outros a toda a hora ou em que falamos connosco próprios horas sem fim num discurso que a lado nenhum leva e só nos põe numa sintonia negativa.

 

  • Ego EXCESSIVO. Todo aqueles que levam em demasia hábitos e vícios (gula, tabaco, drogas, compras, solidão, prazer, festas, medicamentos, etc, etc) para ter um escape da própria natureza e não enfrentar os seus próprios sentimentos . Só assim consegue manter a “aparência” que tanto lutaram para ter. Caso contrário, sem escapes, começamos a ficar instáveis e parece que perdemos o chão. Coisa que o Ego detesta.

Ficam aqui algumas ideias para começar a aquietar seu ego pelo seu próprio pé :

  • Ouça antes de responder. Faça um esforço consciente
  • Medite todos os dias. Comece por 5 minutos e aumente até completar uma boa dose de silêncio e silêncio interior
  • Evite tirar conclusões precipitadas
  • Elimine a palavra “eu” do vocabulário, quando inicia as suas frases. Pode substituir com outras expressões para dar contexto quando quer expressar as suas ideias como por exemplo: “Da minha perspectiva …”, “iria fornecer um outro ponto de vista”, “uma visão diferente desta coisa é…”.

Se neste momento sofre e está a pagar pelas consequências do seu ego desenfreado, procure ajuda profissional, desde que esteja disposto a enfrentar este processo em profundidade e contundência, caso contrário, não vai funcionar.

Devemos procurar ajuda para nos libertarmos deste mal e existem várias terapias que ajudam a destronar o Ego como, Conexão AVA, Cura Quântica Estelar, Terapia Multidimensional e para os mais corajosos cerimónias xamânicas de Ayahuasca e Iboga.

Também existem cursos que podem ajudar a limpar uma boa parte como Curso de Terapia Multidimensional e Curso de Reiki.

Ou pode identificar o Ego com Leitura de aura, Leitura de registos Akáshicos e Tarot.
Mas a real arma é ter consciência dele e começar a muda-lo no seu dia a dia.

Entenda: não há nada de errado em se amar e colocar-se em primeiro lugar; enquanto não formos obtusos em ver a realidade, olhando em volta e nos outros, e agindo como seres sociais que somos. Busque equilibrar sua vida de maneiras saudáveis moldando seus traços de personalidade prejudiciais. Assim, em pouco tempo, começará a desfrutar de maior liberdade, autenticidade, flexibilidade diante de mudanças nas circunstâncias, confiança na verdade e melhores resultados em todos os aspectos da vida.

Seja feliz e acredite que é possível! Faça as pazes com o seu Ego!
By Célia de Jesus

 

Iboga – Retreat in Portugal!

ONLY 5 Places 

LAST this year!

6 a 8 Novembro’20
10 a 12 Novembro’20

In Portugal

Iboga is a small tree native to West Central Africa. In Gabon, this tree is used by the inhabitants to understand Life itself. The roots of the Iboga tree contain very special substances (alkaloids). The roots of the Iboga tree are harvested in a very special and loving way. When humans ingest this substance from the root, it acts as a key to gaining access to Iboga’s spirit. Ingesting this substance allows and asks this spirit to come into contact with your body and mind. Once the spirit of Iboga has come into contact with his body and mind, consciousness is expanded and expanded.

To understand this enlargement of consciousness, there are some basic things you need to know.

First, we as human beings live simultaneously in 2 worlds. The physical world and the spiritual world. These two worlds exist simultaneously and both worlds are involved one for the other. To understand Life, you need to know what is happening in both worlds.

We are all very familiar with this physical world. We are aware of this through our 5 physical senses: sight, sound, touch, taste and smell. Everything we perceive through these senses tells us about the nature of the physical world.

But we also have feelings that allow us to know the nature of the spiritual world, such as intuition/mediumship and spiritual vision through the “third eye.” Generally speaking, most people do not understand these senses and how to use them to understand what is happening in the spirit world. In most cultures outside central Africa, most people have forgotten how to use these senses. As a result, the senses of the physical world become dominant and only in unusual conditions are these spiritual senses perceived.

Iboga works with us in both worlds. When the substance enters the bloodstream, it spreads throughout the body and begins to work to heal us physically. But most importantly for most of us, it begins us to prepare to experience the spiritual world in a deeper and more complete way.

This helps remove toxins and other things that do not belong to our bodies. It is a powerful detoxifier for chemicals and is an anti-bacterial, antifungal and antiviral herb.

Iboga helps your body to work properly again. To return to the initial state of when he was born. Resetting the system.

Iboga can guide us to the spiritual world, but only after we are purged of toxins and toxic and negative thoughts. The spirit world is a very clean and pure world. How deeply we can enter the spiritual world is largely a question of how clean we are.

Iboga is not a psychedelic drug, it is more a visionary tool, even because it does not create addiction like drugs. By taking Iboga, you do not lose consciousness of yourself, on the contrary …. increases. You do not always have “visions” with Iboga, sometimes it’s more intuitive knowledge with thoughts. The experience is not abstract or useless, Iboga takes it directly to the truth, to the Source and connects it to his soul. Think of your brain as a hard drive from a computer. Iboga is like software that deprograms the hard drive and gets rid of viruses. The process through all previous information (past traumas, belief systems, learned behavior, vices …). It is a reset so that the new reprogramming can take effect.

Iboga has proved useful in the following areas:

 -Karma Processing
-Elimination of familiar patterns; connection with ancestors
– Making yourself totally free of addictions (tobacco, cocaine, heroin, alcohol, gluttony …..)
-Removing from negative patterns of thinking and behavior
-Increasing inner peace and higher consciousness

The trip with Iboga is internal. Our (spiritual) Ego is often closely tied to our personal history and to our “insights” and “wisdom.” This will take you back to your true nature, which is silent and silent. Some describe this as defragmenting your hard drive; remove software and vices that are no longer needed.

Iboga defines the symbolic process of dying in movement. You prepare to say goodbye to the old and receive the new. You will end up in realms of deep stillness. Your Ego will defend itself against this through its usual defense mechanisms. Iboga will help you to confront and free yourself from these ego mechanisms and standards. This makes Iboga’s effectiveness so profound. This allows many people to overcome even their most severe addictions. Many people who have used Iboga speak of a deep and deep sense of inner peace and tranquility, lasting for weeks and even months after the ceremony (takes place in retreats for 3 days in a row).

Cleaning pineal gland & Ibogaine

The cleansing and detoxification of the pineal gland are useful to those who develop the connection with the soul and the free spirit and improve their perception out of their 5 regular senses and in relation to their sixth sense. Cleaning the pineal gland is important when you want access to multidimensional perception.

An awakened pineal gland gives access to astral travels, discovering other dimensions and clairvoyance, materializing objects, scans a body to see diseases, remote viewing between countries and planets ……. When the pineal gland is awakened, people may feel a kind of pressure in the nucleus of the brain. A head injury could activate “the third eye”. Although the physical functions of the pineal gland has long been a mystery to scientists, mysterious schools have always known about the gland and it is a gateway between the physical world and the spiritual world

Awakening

We all have powers in us, which are now dormant and inactive. We can bring our pineal gland to life and evolve into a higher state of mind. Start with the disconnect from the television. Television is a manipulation tool to keep control of the masses. Stop the daily waves of huge amounts of lies and learn the truth. Invest your time in the right education. Open the doors between the material world and the spiritual world and help heal yourself, on a physical and emotional level.

For more information about retreats contact consultas@treenaturaterapias.com

Iboga – Retiro em Portugal!

APENAS 5 Vagas 

ÚLTIMOS este ano!

6 a 8 Novembro’20
10 a 12 Novembro’20

Reset espiritual e físico!

Iboga é uma pequena árvore originária da África Central Ocidental. No Gabão, esta árvore é usada pelos habitantes (Bwiti) para entender a própria Vida. As raízes da árvore Iboga contém substâncias muito especiais (alcalóides). As raízes da árvore Iboga são colhidas de forma muito especial e carinhosa. Quando os seres humanos ingerem esta substância da raiz, ela actua como uma chave para obter acesso ao espírito de Iboga. Ingerir esta substância permite e pede que este espírito entre em contacto com o seu corpo e mente. Uma vez que o espírito de Iboga entrou em contacto com o seu corpo e mente, a consciência é ampliada e expandida.

Para entender essa ampliação da consciência, existem algumas coisas básicas que precisa saber.

Primeiro, nós, como seres humanos, vivemos simultaneamente em 2 mundos. Mundo físico e o mundo espiritual. Esses 2 mundos existem simultaneamente e ambos os mundos estão envolvidos um por outro. Para entender a Vida, é preciso saber o que está a acontecer nos dois mundos.

Estamos todos muito familiarizados com este mundo físico. Estamos conscientes disso através dos nossos 5 sentidos físicos: visão, som, tacto, paladar e cheiro. Tudo o que percebemos através desses sentidos nos diz sobre a natureza do mundo físico.

Cerimónia-Bwiti-com-Iboga

Mas também temos sentimentos que nos permitem conhecer a natureza do mundo espiritual, como a intuição/mediunidade e a visão espiritual através do “terceiro olho”. De um modo geral, a maioria das pessoas não entende esses sentidos e como usá-los para entender o que está a acontecer no mundo espiritual. Na maioria das culturas fora da África central, a maioria das pessoas esqueceu como usar esses sentidos. Como resultado, os sentidos do mundo físico tornam-se dominantes e somente em condições incomuns são percebidos esses sentidos espirituais.

A  Iboga funciona connosco em ambos os mundos. Quando a substância entra na corrente sanguínea, ela se espalha por todo o corpo e começa a trabalhar  para nos curar de maneira física. Mas, mais importante para a maioria de nós, começa-nos a preparar para experimentar o mundo espiritual de forma mais profunda e completa.

Isso ajuda a remover toxinas e outras coisas que não pertencem aos nossos corpos. É um desintoxicante poderoso para produtos químicos e é uma erva anti-bacteriana, antifúngica e antiviral. 

A Iboga ajuda o seu corpo a voltar a funcionar correctamente. A voltar ao estado inicial de quando nasceu. A fazer Reset no sistema.


A  Iboga pode guiar-nos para o mundo espiritual, mas apenas depois de sermos purificados de toxinas e pensamentos tóxicos e negativos. O mundo espiritual é um mundo muito limpo e puro. Quão profundamente podemos entrar no mundo espiritual é em grande parte uma questão de quão limpos estamos.

Retiro-de-Iboga-em-Portugal

A Iboga não é uma droga psicadélica, é mais uma ferramenta visionária, até porque não cria dependência como as drogas. Ao tomar Iboga, você não perde a consciência de si mesmo, pelo contrário….aumenta. Você nem sempre tem “visões” com a Iboga, às vezes é mais um conhecimento intuitivo com pensamentos. A experiência não é abstracta ou inútil, a Iboga leva-o directamente à verdade, á Fonte e liga-o à sua alma. Pense no seu cérebro como um disco rígido de um computador. Iboga é como um software que desprograma o disco rígido e se livra dos vírus. Processo através de toda a informação prévia (traumas passados, sistemas de crenças, comportamento aprendido, vicios …). É um reset para que a nova reprogramação possa ter efeito.

Iboga provou ser útil nas seguintes áreas:

      –Processamento de karma
     –Eliminação de padrões familiares; conexão com antepassados
     –Tornando-se livre totalmente de vícios (tabaco, cocaína, heroína, álcool, gula…..)
     –Libertando-se de padrões negativos de pensamento e comportamento
     –Alcançando paz interior e consciência superior

A viagem com Iboga é interna. Nosso Ego (espiritual) é muitas vezes muito ligado à nossa história pessoal e aos nossos “insights” e “sabedoria”. Isso o levará de volta à sua verdadeira natureza, que é silenciosa e silenciosa. Alguns descrevem isso como a desfragmentação do seu disco rígido; remover software e vicios que já não são necessários.

Iboga define o processo simbólico de morrer em movimento. Você se prepara para dizer adeus ao antigo e receber o novo. Você vai acabar em reinos de profunda quietude. Seu Ego se defenderá contra isso através dos seus mecanismos de defesa habituais. A Iboga irá ajudá-lo a enfrentar e libertar-se desses mecanismos e padrões de Ego. Isso torna a eficácia do Iboga tão profunda. Isso permite que muitas pessoas superem até mesmo os seus vícios mais severos. Muitas pessoas que usaram Iboga falam de um profundo e profundo sentimento de paz interior e tranquilidade, durando semanas e até meses após a cerimónia (decorre em retiros de 3 dias seguidos).

Limpeza da glândula pineal & Ibogaína

A limpeza e a desintoxicação da glândula pineal são úteis para aqueles que desenvolvem a conexão com a alma e o espírito livre e melhoram a sua percepção fora dos seus 5 sentidos regulares e em relação ao seu sexto sentido. A limpeza da glândula pineal é importante quando você deseja ter acesso à percepção multidimensional.

Uma glândula pineal desperta dá acesso a viagens astrais, descobrindo outras dimensões e a clarividência, materializar objectos, scanear um corpo para ver doenças, visão remota entre países e planetas, etc……. Quando a glândula pineal é desperta, as pessoas podem sentir uma espécie de pressão no núcleo do cérebro. Um traumatismo craniano poderia activar “o terceiro olho”. Embora as funções físicas da glândula pineal tenha sido um mistério para os cientistas há muito tempo, as escolas misteriosas sempre souberam da glândula e que é uma porta entre o mundo físico e mundo espiritual

Despertar

Todos nós temos poderes em nós, que agora estão inactivos e adormecidos. Podemos trazer a nossa glândula pineal à vida e evoluir para um estado de espírito mais elevado. Comece com a desligar da televisão. A televisão é uma ferramenta de manipulação para manter o controle das massas. Pare as ondas diárias de quantidades enormes de mentiras e aprenda a verdade. Invista seu tempo na educação certa. Abra as portas entre o mundo material e o mundo espiritual e ajude a curar-se, em um nível físico e emocional.

Para mais informações sobre retiros contacte consultas@treenaturaterapias.com

Experiência em retiro de Iboga em Portugal, Espanha e Holanda

Doença Invisível – o Ego

Quando uma criança nasce, ela abre-se ao mundo. Ela não tem consciência daquilo que é, apenas vê e sente  o exterior. Ela vê a mãe, sente os outros, observa a realidade mas em nenhum momento ela tem percepção do seu Eu. Isto tudo é natural porque a criança nasce para fora, para o mundo e então só tem consciência do Outro, só ouve os outros, só sente os outros. Pouco a pouco vai tendo consciência do seu corpo quando tem fome, quando se sente desconfortável ou quando quer carinho. É nesta fase que começa a construção do ego. A mãe diz o quanto ela é bonita, o quanto a adora e o quanto é feliz por ela estar cá. O ego começa a crescer  com amor, mas não é nada mais que um reflexo de palavras e sentimentos que colocam logo desde nascença e que são acrescentados por outras pessoas que se vão juntando a nós. O mesmo acontece quando o reflexo é contrário e há raiva, ninguém aprecia a criança ou ninguém lhe sorri e assim nasce um ego triste magoado e sentindo-se inferior e triste. Ainda assim é um reflexo da sociedade. Não é o nosso verdadeiro eu, porque não nos é dado oportunidade de nos conhecermos a não ser através de outros, pelo menos na infância.

O ego é a nossa personalidade, ou melhor, é a personalidade que a sociedade criou em nós. Tornando-nos marionetes uns dos outros, suprimindo as nossas necessidades e sentimentos e indo assim guardando tudo o que não faz sentido para as pessoas que nos rodeiam.

É criado assim um falso centro em nós – o Ego, um centro que definimos como nossa personalidade e que em momento algum pode ser abalado. Um centro cheio de EGOísmo e verdades falsas em que os julgamentos aos outros são constantes, esquecendo-se que foram esses outros que criaram o nosso ego. O nosso verdadeiro centro existe, neste reside a Alma. E para a Alma só existe um, somos todos um. Todos iguais.

Freud já dizia que O ego é um pobre coitado, porque não é nada. E a verdade é que quando abalado ou magoado, o nosso ego sente-se perdido e a tendência é atacar, porque não é nada. O ego não existe, porque não passa de pensamentos que foram induzidos em nós. E onde está a nossa maneira de pensar? Onde está a nossa verdadeira essência?

Essa começamos a descobrir mais tarde, quando sentimos uma tristeza enorme e um vazio que nada nos satisfaz. Então começa a busca em que muitos se perdem pelo caminho através dos medicamentos e supostas depressões e outros continuam a incessante busca de saber quem somos realmente.

Nesta fase o Ego começa novamente a manifestar-se  porque não quer perder o poder e então arranja desculpas e grita contra tudo o que é de diferente da sua realidade. Mais uma vez se perdem umas quantas Almas aqui.

Só os corajosos e aventureiros têm a força para enfrentar o Ego e destronar todos os julgamentos, pensamentos, dogmas , ideias e EGOísmo que foi criado durante anos. Só os corajosos tem força para ver que a mágoa que sentimos não é nossa, foi criado por outros. Então os corajosos têm força para criar a sua essência, deixar vir ao de cima o seu amor, os seus sentimentos, sem preocupações do que os outros pensam, porque afinal somos todos iguais. Todo este processo é muito difícil e pode demorar mais uns quantos anos. Somos apelidados de diferentes e estranhos, simplesmente porque decidimos ser diferentes e  assumir-nos sem mágoas e cientes daquilo que estamos cá a fazer neste planeta.

Mas o melhor de tudo é que Somos felizes, quando percebemos o sistema e como funciona, sem o nosso ego a dizer “ não és capaz” “ não foi isso que te ensinaram” “para teres atenção tens de magoar alguém” “mostrares amor e sentimentos é burrice”- quando passamos essa fase, somos felizes.

Já pensou o quão é maravilhoso é acordar todos os dias e sentir-se bem, sentir-se feliz e gratos por tudo o que o mundo lhe oferece. Quantas vezes agradecemos pelo que temos? Poucas com certeza, isto porque o Ego acha que nunca temos nada, que não merecemos nada e que somos uns pobres infelizes e por isso colocamos mais uns quantos á nossa volta infelizes.  Acordar e agradecer nem que seja por ter cama, faz com que o Ego comece a dissipar-se e o Universo comece a conspirar a nosso favor.

A maioria das nossas doenças físicas provêm do ego, quando não temos em conta a nossa vontade e andamos ao sabor do vento, quando a nossa realidade se torna a dos outros, quando não conseguimos relaxar nem ver a real realidade que nos rodeia. Quando isto acontece o nosso corpo começa a criar defesas. Defesas essas que vão contra  o ciclo natural hormonal corporal, criando assim doenças físicas como ansiedades, diabetes, tiroidismo, colesterol , etc, etc chegando ao ponto de cancros muitas  das vezes.

Como terapeuta deparo-me com muitos Egos, pessoas não querem perder aquele emprego, aquela pessoa, a sua própria POSIÇÃO. Esquecem-se que para alcançar a felicidade que tanto desejam têm largar muitas coisas a que estão habituadas e que já não fazem falta. Mas o seu Ego fala mais alto e diz “EU preciso disto, Eu sou isto “. Quanto egoísmo sai destas Almas quando não há percepção da realidade e queremos apenas porque o nosso ego lhe apetece.

O ego é necessário para conseguirmos viver em sociedade e ter em conta certas regras que são precisas para conseguimos adaptar-nos. Mas não mais que isso.

Existem várias terapias que ajudam a destronar o Ego como, Conexão AVA, Cura Multidimensional Arcturiana, Cura Quântica Estelar, Terapia Multidimensional e para os mais corajosos cerimónias xamânicas de Ayahuasca e Iboga.

Ou a identificar o Ego com Leitura de aura, Leitura de registos Akáshicos e Tarot.

Com certeza o seu Ego já se estará a manifestar devido ao que leu e aquilo em que acredita.

Cabe a si descobrir se é feliz com esse ego.

O ego vai sempre manter-nos aprisionados, seja por vícios ( tabaco, drogas, jogo, pessoas, etc) ou seja por pensamentos.

O nosso espírito é livre, a nossa Alma é livre por isso é tão difícil matar o Ego. É doloroso livrarmo-nos do que nos mantém presos.

Ainda assim somos e seremos sempre livres, basta escolher.

 

By Célia de Jesus